abril 7, 2022 |
Notice: Undefined variable: categoria_array in /var/www/html/wp-content/themes/marcachile2020/single.php on line 50

Notice: Undefined variable: categoria_array in /var/www/html/wp-content/themes/marcachile2020/single.php on line 51

Notice: Undefined variable: categoria_array in /var/www/html/wp-content/themes/marcachile2020/single.php on line 52

Notice: Undefined variable: categoria_array in /var/www/html/wp-content/themes/marcachile2020/single.php on line 53

Notice: Undefined variable: categoria_array in /var/www/html/wp-content/themes/marcachile2020/single.php on line 54

Notice: Undefined variable: categoria_array in /var/www/html/wp-content/themes/marcachile2020/single.php on line 55

Posicionamento digital, campanha e dados e engajamento de partes interessadas: marcas-país definem os principais temas para o fórum 2022 no Chile

Posicionamento digital, campanha e dados e engajamento de partes interessadas: marcas-país definem os principais temas para o fórum 2022 no Chile | Marca Chile
  • Os países membros do Conselho Ibero-Americano de Marcas País ratificaram os novos membros do grupo no Chile.
  • O encontro, organizado pela Fundación Imagen de Chile, contribuiu para fortalecer as relações entre as instituições responsáveis pela gestão da marca de seus respectivos países ou cidades.

Entre 1 e 4 de março, foi realizada em Santiago uma nova edição do Pré-fórum Ibero-Americano de Marcas-País, evento que reúne anualmente marcas-país e marcas-destino da América Latina e da Península Ibérica com o objetivo de estreitar os laços entre os seus membros através da troca de conhecimentos e experiências.

Pela primeira vez, o Chile sediou este encontro internacional, um momento em que foi ratificada a entrada de seis novos membros ao Conselho Ibero-Americano de Marcas País e também de forma inédita a uma marca-cidade. Com a incorporação de Andorra, Barcelona, Chile, El Salvador, Paraguai e República Dominicana, o conselho ficou oficialmente formado por 17 entidades encarregadas por administrar o marca-lugar!

No evento, foram definidos os temas a serem discutidos no próximo Fórum Ibero-Americano de Marcas-País. Posicionamento digital de marcas territoriais; engajamento das partes interessadas; a importância de usar campanhas e dados para promover a imagem-país; as relações entre marcas-país, marcas setoriais e marcas territoriais; instituições, estrutura e financiamento das entidades; e a evolução das marcas Argentina e Barcelona são os principais temas que serão abordados no próximo encontro, que acontecerá ainda este ano e cujo local ainda não foi definido.

O encontro contou com a presença da diretora executiva da Fundación Imagen de Chile, Constanza Cea; o diretor da Esencial Costa Rica e atual presidente do Conselho Ibero-Americano de Marcas-País, Daniel Valverde; a Vice-Ministra de Turismo do Equador, Ana García; a diretora da marca-país da Colômbia, María Juliana Lora; o chefe do setor privado da marca-país da Argentina, Guido Gattari; o responsável pela marca-país do Uruguai, Diego Silva; a presidente do Instituto Salvadorenho de Turismo, Eny Aguiñada; a especialista em gestão de marcas do Peru, Gisele Vega; e o responsável pela promoção da Câmara Municipal de Barcelona, Marc Sans. Da mesma forma, conectada da República Dominicana, também participou Carolina Santana, representante do país.

“No Imagen de Chile sentimos uma tremenda honra por termos sido os anfitriões do Pré-fórum Ibero-Americano de Marcas-País. Compartilhar experiências permite a todos os membros aprimorar nosso trabalho e nossas estratégias em torno da gestão da marca-país”, assegurou a diretora executiva da Imagen de Chile, Constanza Cea. “Nosso objetivo no Imagen de Chile é que a marca Chile seja mais conhecida e valorizada no mundo, porque isso se traduz em melhores oportunidades que permitem melhorar a qualidade de vida de todos os chilenos”, acrescentou.

Daniel Valverde, diretor da Esencial Costa Rica e que atualmente preside o Conselho Ibero-Americano de Marcas-País, destacou: “A América Latina é muito diversificada em cores e estruturas em seus projetos de marca-país, então compartilhar as diferentes experiências de coisas que deram e não deram tão bem sempre gera aprendizado. É muito importante que o Chile seja o anfitrião deste pré-fórum, justamente por todos os esforços que vem fazendo nos últimos tempos, desde mudar a nova mensagem para Criando Futuro até se destacar em competições internacionais de marcas-país”.

“O mais importante é a troca de conhecimentos, informações e experiências que cada país contribui dentro de suas estruturas para a gestão de marcas-país e também seus processos de validação interna e externa do que essa marca significa para o próprio território”, afirmou Ana García, Vice-Ministra do Turismo do Equador, e acrescentou: “É um processo de troca de informações muito enriquecedor.”

Já Marc Sans, responsável pela promoção da cidade da Câmara Municipal de Barcelona e que participou pela primeira vez num pré-fórum, mencionou o valor de participar deste tipo de encontros. “Em Barcelona estamos acostumados a comparar as melhores práticas, sucessos e coisas a melhorar com marcas-país e marcas-cidade, especialmente no contexto europeu. Sair um pouco da nossa zona de conforto e ouvir histórias com uma realidade mais diferente da homogeneidade que pode existir na Europa é muito mais enriquecedor. O Chile está no centro das atenções do mundo devido ao processo que está realizando, então acho que é o momento ideal para que esse tipo de evento ocorra neste país”, disse.

“Estamos muito felizes por estar neste fórum. Para nós é extremamente importante participar dessas reuniões porque é onde todos podemos ver o que outros países estão fazendo, podemos compartilhar melhores práticas e compartilhar conhecimento entre todos. Para nós, significa vir para nos enriquecer, não apenas contar aos outros sobre nossa marca, mas aprender sobre os demais”, disse María Juliana Lora, diretora da marca-país Colômbia.

Guido Gattari, responsável pelo setor privado da marca-país Argentina, acrescentou: “Acho uma experiência muito gratificante e um grande aprendizado, pois podemos aprender com as experiências das marcas-país, alcançando um benchmark importante e tentando aprender com todos.”

“É uma grande oportunidade para conhecer a experiência que cada um dos países está vivendo agora que ainda estamos em uma pandemia”, disse Eny Aguiñada, presidente do Instituto Salvadorenho de Turismo. “E, sobretudo, todas as oportunidades que cada um encontra, poder compartilhar informação, saber quais são os desafios e , além disso, o que estão fazendo para posicionar cada um a nível internacional, pois acredito que é a coisa mais valiosa que se pode encontrar em cada um deles”, acrescentou.

“É fundamental porque o tema da marca-país é muito dinâmico, é preciso estar acima das tendências, a mudança é permanente”, disse Diego Silva, responsável da marca-país Uruguai.

Da mesma forma, Gisele Vega, especialista em gestão da marca Peru, destacou a importância de continuar gerando esse tipo de encontro na região: “É um momento importante porque os países que fazem parte desse grupo podem compartilhar suas experiências e é vital porque finalmente gerenciamos a marca de nossos países, e todas essas experiências enriquecem a prática de cada um. É muito importante ter esses encontros presenciais e híbridos, e também realizá-los ao longo do ano. É muito valioso continuar crescendo e contribuindo”.

Os 17 membros que atualmente compõem o Conselho Ibero-Americano de Marcas-País são: Andorra, Argentina, Barcelona, Chile, Colômbia, Costa Rica, Cuba, República Dominicana, Equador, El Salvador, Guatemala, Honduras, México, Panamá, Paraguai, Peru e Uruguai.

COMPARTILHE SE VOCÊ GOSTOU

Notícias relacionadas


Notice: Undefined variable: categoria_slug in /var/www/html/wp-content/themes/marcachile2020/single.php on line 202

Sites de interesse